Google WiFi – Como funciona?

Você conhece o Google Wifi? Trata-se do kit de rede mesh do Google que promete facilidade de uso, alta velocidade de transferência e capacidade de cobrir uma área de até 418 m². 

Lançado em 2016 nos Estados Unidos, ele é compatível com os protocolos de rede mais recentes e pode ser uma solução eficiente para quem tem problemas com baixa cobertura de Internet Wi-Fi na casa e no escritório.

Continue lendo para saber mais sobre o Google WiFi.

Ficha técnica Google WiFi

Preço: unitário por R$ 999,00, ou em kits com três unidades, por R$ 1.999,00.

Conectividade sem fio: Wi-Fi AC 1200, dual-band (2.4 e 5 GHz), Wi-Fi 802.11a/b/g/n/ac, Bluetooth

Conectividade via cabo: Gigabit Ethernet

Processador e memória: 4 GB de espaço para firmware, 512 MB de RAM e processador quad-core de 710 MHz.

Segurança: WPA2-PSK

Dimensões e peso: 10,4 cm (diâmetro) x 6,8 cm (altura); 340 gramas

O que é Google Wifi?

Entenda que o Google Wifi é como “um roteador dividido em três”. É possível instalá-lo em pontos diferentes da casa, a fim de garantir melhor cobertura de rede sem fio. Essa ideia não é nova e também é aplicada em produtos de outras marcas, como TP-Link, Asus e D-Link, sob o nome inglês de “mesh” ou Wi-Fi mesh.

O sistema funciona com uma unidade principal. O roteador recebe o sinal da rua e um par de acessórios – que podem ser conectados entre si e sem fio – estendem a cobertura da rede Wi-Fi.

Desempenho

Segundo o Google, a rede criada com o trio de dispositivos possui cobertura de sinal para uma área máxima de 418 m².

Mais do que um simples dispositivo de rede sem fio, o Google Wifi também oferece duas portas Gigabit Ethernet para conexões de rede convencionais, a partir de cabos de rede. Em termos de Wi-Fi, o dispositivo opera em AC1200 – o que significa velocidades máximas teóricas de 1.200 Mb/s – e, dual-band.

Além disso, o modelo tem a capacidade de alternar entre faixas de 2.4 e 5 GHz, de acordo com a demanda e a condição da sua vizinhança.

Ao operar nas duas faixas de frequência, o Google Wifi garante operação no canal mais desobstruído possível. Essa característica deve fazer a diferença em locais densamente povoados onde existe uma grande quantidade de redes sem fio diferentes.

Ressaltando ainda que o conjunto de especificações, especialmente por conta do protocolo AC1200, coloca o Google Wifi no mesmo patamar de roteadores mais caros e de alta performance.

Recursos Google WiFi

Um dos principais benefícios do Google Wifi fica por conta da interação e o foco na usabilidade. O processo de configuração é feito por um aplicativo específico que, além de ser fácil de usar, oferece uma série de recursos extras. Outro ponto é que o app monitora a posição dos componentes do aparelho para indicar o posicionamento mais eficiente.

O programa permite a criação de políticas para privilegiar alguns dispositivos – assim, você pode direcionar mais banda para o PC ou videogame. Além disso, também é possível desligar a rede momentaneamente – função que pode ser útil para pais interessados em interromper o uso da Internet dos filhos, por exemplo.

Mesmo com todas as funcionalidades interessantes, existe um ponto negativo para usuários que gostam de controlar profundamente como suas redes se comportam. Isso porque o foco na simplicidade e acessibilidade do produto pode afastar quem prefere customizar firmwares, redirecionar portas e interagir com o roteador de formas mais técnicas.

Preço

O aparelho já se encontra à venda nos principais varejistas do país e pode ser adquirido individualmente, pelo preço unitário de R$ 999,00, ou em kits com três unidades, por R$ 1.999,00.

No entanto, entenda que ao adquirir apenas um Google Wifi para usá-lo como roteador convencional irá reduzir a cobertura possível para 140 m². 

Esse valor praticado coloca o produto em um mesmo patamar de bons roteadores vendidos no Brasil.

Gerenciamento e segurança para as famílias

O Google Wifi também mantém a sua rede pessoal mais protegida, pois o sistema é constantemente atualizado com novas ações de segurança – e tudo isso é feito sem interromper sua conexão.

Para as famílias, há ainda outra funcionalidade importante: pais ou responsáveis poderão colocar os dispositivos das crianças em ‘pausa’, seja na hora de jantar, antes de dormir, ou em momentos para que elas possam brincar com outras atividades fora da tela. O recurso também permite bloquear automaticamente o acesso a sites impróprios em dispositivos selecionados.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.