CNH Digital – Como Baixar o APP?

PUBLICIDADE CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Para facilitar a vida da população brasileira, o Governo Federal lançou a CNH Digital, um serviço prático e online para emitir a Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Neste sentido, o serviço conta com funcionalidades do Detran, para emitir a sua carteira de motorista de forma fácil. Sendo assim, vamos te mostrar como funciona a CNH Digital e como baixar o app!

A princípio, vale citar que, no Brasil, a lei determina que todo condutor deve possuir CNH para poder dirigir. Inclusive, em caso de abordagem de trânsito, a ausência de CNH é passível de multa. Neste sentido, por ser um documento obrigatório, encontrar formas de emitir o documento mais rapidamente se tornou uma prioridade para o governo.

PUBLICIDADE CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Sendo assim, foi criado a CNH Digital, visando substituir a CNH impressa, proporcionando mais agilidade e conforto aos motoristas de todo o país. Inclusive, é necessário pontuar que a nova CNH Digital não extingue a versão impressa, ou seja, você pode usar o modelo que quiser.

Por que não devemos dirigir sem CNH?

Além da questão de segurança, dirigir sem CNH pode acarretar até 3 pontos na sua carteira, além de uma multa de R$88,48. Sendo assim, independente da distância, é fundamental que os condutores brasileiros estejam munidos da CNH para evitar problemas com a lei. 

Por outro lado, é importante esclarecer que a multa de andar sem CNH é diferente de conduzir um carro sem CNH. Neste caso, o cenário é ainda pior, uma vez que a multa é de R$880,41. Além disso, dependendo da situação, também é possível que o veículo usado seja apreendido, criando mais problemas para o condutor.

Em casos do cidadão dirigir um carro que não é seu, mas não possuir CNH, o proprietário do veículo também é penalizado. Neste caso, ele levará 5 pontos na carteira, além da mesma multa. Inclusive, o veículo será retido até aparecer alguém habilitado para conduzir a viagem. Portanto, andar sem CNH em ambos os casos nunca é recomendado perante a lei.

A CNH Digital é aceita nacionalmente?

Sim! Importante ressaltar que a versão digital da CNH equivale à versão impressa como documento de identidade social. Neste cenário, é possível usá-la tanto em blitz como em outros momentos onde é necessário apresentar um documento oficial com fotos.

Lançada em 2018, a CNH Digital ganhou força em 2020, especialmente devido à pandemia do covid-19. Na época, o fechamento das agências do Detran levou os condutores a buscarem formas de renovar e consultar seu documento para poder dirigir conforme a lei.

No entanto, vale citar que, em alguns casos, a apreensão da CNH Digital pode não ser aceito pela política. Neste caso, o cidadão poderá entrar com um recurso para abonar a multa e os pontos na carteira de motorista.

Como baixar a CNH Digital?

Baixar a CNH Digital é mais fácil do que parece! Como o aplicativo já está disponível desde 2017, vamos te mostrar um passo a passo para baixar a sua CNH Digital. Confira abaixo:

Passo 1

O primeiro passo para acessar sua CNH Digital é baixar o aplicativo oficial. O app está disponível para Android e iOS.

Passo 2

Em seguida, você deverá realizar login com o seu cadastro no Gov.br. Caso ainda não possua uma conta, é necessário criá-la, pois além do acesso a CNH Digital, ela também dá acesso a diversos serviços do governo.

Passo 3

Agora, teremos o passo mais importante para gerar a CNG Digital. Assim, após fazer o login, aponte a câmera do seu celular para o QR Code presente no verso da sua CNH. Em seguida, aguarde o aplicativo confirmar sua identidade junto ao Detran.

Por fim, confirme o CEP cadastrado no Detran da sua região. Caso os dados sejam validados, a sua CNH Digital será gerada automaticamente.

Caso ocorra um erro na geração da CNH Digital, você deve procurar o Detran da sua cidade para solicitar presencialmente. Geralmente, problemas de dados incorretos são o maior empecilho para gerar a CNH Digital.

Como gerar o documento digital do meu carro?

Além da CNH, outra possibilidade do app CNH Digital é gerar um documento digital para o seu carro. Para isso, você precisará do número do RENAVAM (Registro Nacional de Veículos Automotores), situado na parte superior esquerda do documento do seu carro.

Além disso, você também precisará do código de segurança do CRV (Certificado de Registro do Veículo), anteriormente conhecido como DUT. Assim, após identificar essas informações, o app gerará o documento automaticamente.

É possível acessar a CNH pelo CPF?

Sim! Para facilitar a vida dos condutores, é possível emitir a Carteira Nacional de Trânsito pelo CPF. Para tanto, basta incluir no app o seu login e senha cadastrados no Gov.Br. Assim, além de solicitar a CNH, você também terá acesso a outros serviços do governo.

Como podemos ativar 

Primeiramente, é necessário pontuar que para ter acesso a CNH, é necessário ativá-la. Para isso, você deve acessar o Portal de Serviços do SENATRAN (Secretaria Nacional de Trânsito) e acessar a opção “Aplicativos”. Em seguida, clique na opção “Instalou a Carteira Digital de Trânsito?” Ative o serviço da CNH Digital”.

Logo após, uma tela do Gov.br aparecerá e, portanto, basta inserir seu CPF e senha cadastrada na plataforma. Após isso, você deverá realizar novamente o procedimento com a câmera, portanto, basta apontá-la para o QR Code disponível no verso da sua CNH.

Sendo assim, o sistema irá comparar a sua foto com as informações contidas no Detran (Departamento Estadual de Trânsito) para confirmar o seu documento. Por último, confirme o CEP cadastrado no Detran e, neste caso, se os dados estiverem corretos, a sua CNH Digital será ativada.

Por fim, vale citar que solicitar a CNH Digital é uma excelente maneira de se manter dentro da lei de trânsito. Isso porque, além de facilitar o seu acesso ao documento, ele também pode substituir documentos oficiais com foto em determinadas situações. Além disso, a CNH Digital é um app leve, ou seja, você não ocupará muito espaço do seu smartphone para ter sua CNH por perto.

Leia mais: Auxílio Gás – Quem tem direito a receber o Auxílio?