Bolsa Merenda MG – Como Receber?

O Bolsa Merenda foi uma iniciativa do Governo do Estado de Minas Gerais para combater a fome entre famílias extremamente pobres que dependiam da merenda para sustentar seus filhos.

Em parceria com a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese), o plano é alcançar pelo menos 380 mil alunos inscritos na rede estadual de ensino e no CadÚnico para fornecer-lhes um ticket alimentação no valor de R$50,00.

No entanto, por se tratar de um projeto isolado não associado ao Governo Federal – como é o caso do Bolsa Família – o recebimento será realizado de maneira diferente e, para evitar aglomerações, o Governo usará contas digitais para o repasse.

Entenda mais sobre o porquê do benefício ter sido criado, quem tem direito a ele e como fazer para conseguir sacar o montante.

Por que um “Bolsa Merenda”?

Saque Bolsa Merenda: Pagamentos estão Disponíveis | GOV

Bolsa Merenda MG – Como Receber? (Foto: Reprodução Saque)

O Bolsa Merenda foi um benefício pensado exclusivamente para famílias muito pobres cadastradas no CadÚnico e usuárias de programas sociais.

Sendo assim, pode-se dizer que apenas quem esteja matriculado na rede pública, tenha cadastro no CadÚnico e receba ao menos um benefício possa ser selecionado para receber os R$50,00.

Mas há um porém. Serão classificadas como famílias “pobres” apenas aquelas com renda per capita (por pessoa) de até R$89,00 mensais.

Quem ganha acima disso já não tem direito ao benefício, que poderá ser cumulativo.

A ideia é realizar um repasse de até R$50,00 por aluno e abranger um máximo de três indivíduos por família por um período máximo de quatro meses, os quais poderão ser prorrogáveis enquanto as aulas estiverem suspensas.

Isto é: será possível recolher do benefício até R$150,00 por família e, até o momento, não há validade para deixar de receber o benefício.

Como faço para me cadastrar no Bolsa Merenda?

O cadastro para o recebimento do auxílio, felizmente, é o mesmo para a solicitação.

Mais uma vez, por ser um projeto isolado, o pagamento não poderá ser feito através da Caixa Econômica Federal ou juntamente a outros benefícios como o Bolsa Família.

Sendo assim, o Governo do Estado de Minas Gerais resolveu apostar na PagBank como fintech oficial para realizar os repasses.

Apoiando a iniciativa, por sua vez, a PagBank resolveu realizar um acréscimo de R$20,00 à primeira parcela da Bolsa Merenda para novos integrantes.

Sendo assim, resta agora realizar o cadastro – que pode ser feito pela plataforma online ou pelo aplicativo – e aguardar pelo repasse para saque, uso ou transferência do crédito.

Na dúvida, para saber se você tem direito ou não ao benefício, é possível fazer uma consulta online clicando aqui.

Cadastro pela Plataforma PagBank Online

Agora que você já sabe se está apto a receber ou não o benefício, está na hora de fazer o seu cadastro.

O cadastro pela internet/navegador/computador deve ser obrigatoriamente realizado pela plataforma quando o responsável pela unidade familiar cadastrada no CadÚnico tiver entre 16 e 18 anos.

Caso esse seja seu caso, basta prosseguir preenchendo todos os formulários e seguindo em frente clicando aqui.

Ao final do processo, você será convidado a enviar uma selfie junto com a foto dos seus documentos para finalizar a solicitação.

A seleção é automática e, em até 4 horas, é possível saber se você receberá o benefício ou não – levando em consideração o horário comercial.

Caso se enquadre, o valor será depositado automaticamente e estará disponível para transferência, pagamento ou saque.

Caso você queira sacar os primeiros R$50,00 + o bônus PagBank (R$20,00), poderá faze-lo direto nos Caixas 24 horas com a ajuda de um QR Code.

No entanto, se você não estiver com pressa, poderá esperar o cartão de saque chegar em até 20 dias para as próximas parcelas ou saque desta primeira.

Cadastro pelo aplicativo

Caso você opte pelo cadastro através do aplicativo, basta realizar o download da plataforma disponível para Android e iOS.

A abertura da conta é bem rápida e não leva mais que cinco minutos.

No entanto, ela deve ser feita apenas pelo CPF responsável pelo CadÚnico da Unidade Familiar, ou será inconclusivo.

Para isso, basta clicar em “Criar Nova Conta”, seguir todo o passo a passo e preencher corretamente todos os campos em branco do formulário que se segue.

Para ir adiante, será também necessário confirmar e-mail, número de telefone e criar uma senha de utilização tanto para saque quanto para login.

Ao fim, você também será convidado a enviar uma selfie e uma foto da sua documentação para comprovar sua identidade.

Se tudo bater de acordo com os bancos de dados do CadÚnico do Governo, seu benefício cairá em conta em até 4 horas úteis dentro do horário comercial.

No entanto, caso algum erro aconteça, a recomendação é entrar em contato direto com a PagBank. Em alguns casos, o pagamento pode demorar até 2 dias úteis para ser efetivado.

Em caso de dúvida sobre a conta, é possível entrar em contato com a empresa através do:

  • Para o público do interior e demais regiões, a partir de telefone fixo: 0800 728 2174;
  • Para o público do interior e demais regiões, a partir de celular: 0+ OPERADORA +11 4003-1775 (exemplo. 015 11 4003-1775);
  • Contato via E-mail ([email protected])

Deixe um comentário